Gabe Zichermann | Gamificação nas Empresas e na Educação

Apesar de não ter criado o termo, Gabe Zichermann é atualmente o principal autor relacionado aos estudos sobre Gamificação. Ele vem atuando junto de marcas líderes nos mais variados setores para direcionar o envolvimento de clientes e funcionários.

As oficinas, livros e cursos de Zichermann inspiraram toda uma geração de profissionais de marketing, especialistas em fidelização de clientes, profissionais de RH, estrategistas e designers de produtos no objetivo de tornar o mundo um lugar mais divertido e atraente.

Segundo ele, a gamificação pode e deve ser aplicada tanto no mundo dos negócios como na educação.

 

gabe-zichermann

 

Gamificação consiste no processo de utilização de pensamento de jogos e dinâmica de jogos para engajar audiências e resolver problemas.

 

Game Zichermann

 

Zichermann explica que a Gamificação possuiu em sua essência uma mistura de competição, recompensa e diversão, explorando assim alguns instintos básicos. É esse apelo automático para os instintos humanos que está tornando a inclusão deste conceito no mundo dos negócios muito mais rápida e lógica.

Há também o fato de não ser mais incomum encontrarmos jovens adultos gerentes de empresas que ainda possuem um apego aos jogos virtuais como forma de entretenimento. Para uma geração que cresceu jogando videogames não é estranha a possibilidade de utilizar os mesmos jogos como forma de aprimorar, treinar ou aprender algo novo dentro de um ambiente profissional.

 

Estimular sem perder o foco!

 

A gamificação é muito mais do que estipular metas e exibir tabelas com a pontuação dos funcionários, esclarece Zichermann.

Ao analisar o poder que os jogos possuem de engajar, ensinar e solucionar é possível identificar que em termos organizacionais as aplicações da gamificação podem ser agrupadas em duas categorias:

Na categoria Externa todas as ações feitas são realizadas no público externo. No caso de uma empresa, muitas dessas ações estão relacionadas às áreas de Marketing, Vendas e Relacionamento com o consumidor.

Já na categoria Interna o foco é nos próprios colaboradores da empresa e as aplicações podem ter os mais diversos objetivos. Aqui a área de Recursos Humanos talvez seja a que mais se beneficia com estas ações. A criação de um plano gamificado pode auxiliar nas tomadas de decisões ou até aumentar o nível de produtividade de um setor.  

A gamificação é uma realidade no atual ambiente das empresas. E não só em start-ups como era há algum tempo. Sua aplicação está colhendo resultados que irão mudar a forma como educamos pessoas e administramos empresas.

Por isso CEOs, diretores de RH e times de operações e inovações em todos os ramos estão se atualizando e encontrando na gamificação a transformação que precisavam. Uma nova forma de engajar seus profissionais, o que mantem os resultados positivos de uma empresa ao mesmo tempo que favorece o fortalecimento de suas próprias carreiras.

 

Leia Tambem:

Serious Games: As Novas Ferramentas de Aprendizagem

O Conceito de Gamificação nas Empresas

 


Clique aqui e conheça a Linha de Jogos da Minovelt!

Fale Conosco

Não pode ser lido? Mude o texto. captcha txt
jogos-tranformando-gestão-de-pessoas